28/06/17

beijo-forma-de-vida

(autor desconhecido)



aos poucos retornam à planura das línguas,
ao tecido das conversas que não se escutam
ao compasso acurado das notas agudas do coração


e é lá, nesse beijo-forma-de-vida,
que reencontram o chão dos dias
e a arquitetura prosaica da felicidade
que aprenderam a edificar.

“One Year on a bike”



O que é que pode levar um ser humano a pegar numa bicicleta e, durante um ano, percorrer mais de 17.000 km?

A resposta a esta e outras questões está no livro - “One Year on a bike”, de Martijn Doolaard.
Ele que viajou de bicicleta, de Amsterdão a Singapura, via Turquia, Irã, Ásia Central, Índia e Sudoeste Asiático; uma aventura repartida entre desertos, terras altas, metrópoles e áreas inóspitas.
Pelos vistos o livro é muitíssimo recomendado não só pela aventura em si mas sobretudo pela lição de vida designadamente a auto-descoberta.

Acho que o vou comprar para o meu rapaz, de surpresa, ele que gosta tanto de biclas e que neste fim-de-semana vai estar em Famalicão, a fazer as 24h.

Como eu gostava de embarcar numa aventura destas; não precisava de ser de bicla… porque se fosse seria preciso outro ano…

(GM, lembrei-me de ti.)

23/06/17

seiva


collage by Johanna Goodman


agora que ando a escutar a seiva do meu corpo, a voz interna que me fala no sono e em surdina, percebo as folhas das minhas mãos e os frutos dos meus olhos.

e tenho orgulho do restolho, dos rebentos meninos, das ervas daninhas que me continuam a ensinar e das raízes que me crescem por dentro.

Arquivo