13/07/11

Je t’ai dans la peau

phot. Maurice Tabard


rouba-me um dia destes, por favor,
guarda-me em lugar recôndito
(desde que seja em ti, perto da pele)
e canta-me ao ouvido, em francês,
uma música que fale de amor.

e eu ficarei de olhos pequenos
pele áspera
e respiração incendiada

e responderei a essa canção
com um beijo
 em inglês.

1 comentário:

Luis Eme disse...

gostei da fotografia.

Arquivo