13/12/11

next time i fall

Sou estupidamente básica nos sonhos.
Diria mesmo absurdamente previsível.
Falam-me de um filme e sonho que sou a protagonista.
Falam-me de um sítio e acho-me nele a passear pelas ruas e a jantar em restaurantes.
Levo comigo para os sonhos o que sinto ou vivencio nos minutos imediatamente anteriores ao sono.
Levei-te comigo esta noite. Para dentro do meu sonho.
E nele dançamos e comemos as 12 passas.
Olhos nos olhos, pernas entrelaçadas, sorriso meio infantil.
E depois adormecemos.
Tu a tocares-me levemente nos caracóis e na face, a apertar-me em ti.
E eu, embriagada com a inevitabilidade de algumas historias.

Sem comentários:

Arquivo