07/05/13

i want to feel

Deambula languidamente pela cidade a olhar, embasbacada, para os turistas de meia-idade.
A sorver ruídos, a deglutir cheiros e a fotografar com os olhos.
A fumar cigarros fininhos e com o Keith Harreett na memória.
Senta-se nas esplanadas soalheiras a debicar um café.
Olha para as pombas, os grafitis e as velhinhas de lábios pintados por fora.
Para os rapazes novos de rabo giro e para as executivas de cabelo bem tratado.
Sente o calor do sol no alumínio da mesa.
Fecha os olhos e por momentos é feliz.
Porque os sentidos, por si só, são capazes de nos fazer felizes.

2 comentários:

Luis Rodrigues disse...

conheço bem esses momentos

se calhar bem demais

Laura Ferreira disse...

pois..

Arquivo