07/05/13

laura

e se eu enlouquecesse um dia na minha vida e me borrifasse para tudo e para todos e pegasse nos papéis todos que tenho de desempenhar, na minha vida,

e os rasgasse
e ficasse só com aquele
só com aquele que ainda não estudei
porque é o mais difícil
(e porque eu fujo como o diabo da cruz das coisas difíceis)
aquele – aquele papel de uma só laura – da laura
da laura tudo, a laura crescida, a laura criança
a laura estouvada e a laura doce
todas as lauras na medida certa.
nem mais nem medo
nem tudo nem talvez
todos os bocadinhos bem cortados e medidos
vertidos na laura
na laura única
na única laura
na laura.
em mim.

4 comentários:

Hismindaway disse...

Mais coisa menos coisa, serias essa "Laura" inteira, tal como agora ;)

Luis Eme disse...

boa noite, Laura, sim tu, a "autêntica", a "única", a "rara". :)

Laura Ferreira disse...


:)obrigada. aos dois.

Luis Rodrigues disse...

e eu sei que a Laura não é uma

Arquivo