15/11/13

vou

há dias em que vou
que me deixo ir
com gás a fundo no verbo
sem medo de curvas
sem medo de travar a fundo.
 
há dias em que me deixo ir
e dias há em que a minha viagem é a melhor de todas.

1 comentário:

Mar Arável disse...

Na verdade a vida está para lá
dos olhos

Arquivo