08/07/14

amor


conheço amores que resistem ao tempo.
à chuva, às lágrimas, à distância, aos imprevistos.
conheço amores com hálito sempre a doce
com mãos gastas de mimos
com palavras revigoradas
e cantigas que se ouvem sempre.
conheço amores assim, incondicionais, intemporais,
miúdos e muito sérios.

gostava de um desses assim. para mim.
para sempre.

1 comentário:

Luis Eme disse...

e conheces sempre imagens simbólicas, que casam bem com as tuas palavras, Laura.

Arquivo