14/01/15

vidas




um dia hei-de fazer a vida de janelas, gatos, desenhos e admirações.
e esquecer horários, likes, labuta e contestações.

Sem comentários:

Arquivo