01/12/15

dezembro

em dezembro, embora faça frio, fico morna.
gosto das ruas com luzes, do espírito, da música que não se ouve, do frio.
em dezembro sou mais família, mais próxima de tudo
e sendo mais próxima de tudo,
sou, sobretudo, mais próxima de mim.

2 comentários:

ana disse...

os xamãs dizem que o outono e o inverno é tempo de recolhimento, reflexão, integração... no fundo, hibernar como fazem alguns animais, como nós :)

Laura Ferreira disse...

às vezes bem me apetecia, Ana :)

hibernar em mim
e hibernar de mim.

Arquivo