26/01/16

As meninas do Milo Manara


Fazem parte do meu imaginário desde sempre. Gosto dos corpos esguios, dos cabelos encaracolados, das bocas pequeninas.
Quando comecei a desenhar, na altura da escola primária, tinha na cabeça um ideal de mulher/boneca que queria passar para o papel e que, obviamente, nunca consegui.
Os cabelos eram encaracolados, as pernas musculadas e os braços esguios. Os corpos tinham algum movimento, quanto mais não fosse, conseguido através do texto. Embora rudimentares e ingénuos, os meus desenhos encantaram raparigas e foram motivo de curiosidade para os rapazes. Eu desenhava porque, basicamente, ninguém me ligava pevide. Foi quando comecei a mostrar os meus desenhos à turma, que passei a ser popular. Não, claro está, pelas botas ortopédicas ou pelos óculos grossos de massa, mas pelos desenhos de meninas/mulheres com roupas extravagantes.
Mais tarde, quando vi as meninas do Manara, pensei: era isto.
Pois era. Se eu soubesse desenhar, era mesmo isto.

8 comentários:

Manel Mau-Tempo disse...

é dai que nasce a expressão, boas como o Milo... :)

No Meu Quarto Andar Sem Cave disse...

As meninas do Mili Manara são eróticas até dizer chega :)

Quando eu era miúda existiam uns desenhos animados com umas bonecas algo estilizadas também, a candy candy, não te lembras?


josépacheco disse...

«Botas ortopédicas e óculos grossos de massa»: a síntese anti-meninas do Milo Manara...

Laura Ferreira disse...

ahahahha, Manel :) muito bom...


VZD4, claro que lembro. a Candy também tinha cá um arzinho bem janota :)


José, é o contrário, mesmo :)

Pedro M disse...

Ahhh... as meninas do Manara...
Povoaram os meus sonhos da juventude :-)
Um beijo

Laura Ferreira disse...

:)

Carla disse...

As meninas do Manara estão quase sempre muito bem acompanhadas...

(coff coff)

Laura Ferreira disse...

estão sim Carla :)

Arquivo