26/02/16

(im)permeabilidade

sou muitíssimo permeável a más energias. pareço uma esponja.
absorvo-as como um íman.
aprendi, com o tempo, a relevá-las, a fugir delas, a não me deixar ficar de determinada maneira.
foi difícil de conseguir. levou-me anos de especulação e depois experimentação.
envolveu grande esforço psicológico e uma ginástica mental quase olímpica.
e obrigou, claro está, a um necessário distanciamento de certos momentos e pessoas.
desenvolvi, com a idade, um "remédio caseiro" cuja receita me faz sorrir e ficar serena.
a maior parte das vezes, hoje em dia, consigo antever momentos e reconhecer pessoas.
defendo-me. respiro fundo. faço o exercício mental, que aprendi como se fosse a tabuada.
e consigo manter-me a uma distância segura.

a vida também se faz destas coisas.
ou estas coisas é que fazem, inevitavelmente, parte da vida.



12 comentários:

eusouassim disse...

A receita do remédio caseiro é partilhável? :-P

Beijos

No Meu Quarto Andar Sem Cave disse...

O meu remédio caseiro é evitar tudo que sejam pessoas negativas :)

Beijinho e bom fim de semana

Eros disse...

O meu Remédio é estimar os momentos menos bons. Pois justificarão o redobrado prazer dos melhores momentos.

Manel Mau-Tempo disse...

há quem absorva para fazer delas boas energias... nã será esse o teu caso?

Laura Ferreira disse...

eu sou assim :)

Laura Ferreira disse...

VZd4 nem sempre se podem evitar... :)

Laura Ferreira disse...

eros, vem visto :)

Laura Ferreira disse...

MM-T também passa por aí... :)

deep disse...

Nem sempre conseguimos escapar às más energias. Há pessoas com as quais temos de conviver,inevitavel e infelizmente. :)

Luis Eme disse...

Eu sou um "protegido", tenho um anjo da guarda fixe. :)

Laura Ferreira disse...

Verdade, Deep :)

Laura Ferreira disse...

O meu também fixe :)

Arquivo