03/06/16

nostalgia com formas, Rádio Nova e o que eu gostava de ter sido

é, às vezes fico assim. nostálgica. com saudades de coisas de outros tempos.
hoje vieram-me à cabeça as gravações dos supostos programas de rádio que fazia quando era miúda.
fazia aquilo a sério. com intervalos para publicidade e tudo. só não tinha a rubrica do trânsito e do desporto.
ainda hoje, quando ouço uma das minhas rádios preferidas (a rádio nova) e quando ouço duas das minhas profissionais femininas preferidas - a Alexandra Gonçalves e a Sónia Borges - me lembro desses tempos e gostava de ter tido, um dia, essa possibilidade.
também, o que é que eu não gostava de ter sido?
homem. isso, definitivamente.

6 comentários:

Isabel Pires disse...

Olha, mais uma nostálgica pela blogosfera!
Acho que também não me ajeitava ao papel de homem. :))
Beijo, Laura!

Xana Goncalves disse...

Saudade que não mata, mas dói.
Obrigada por fazer parte do teu mundo através da rádio. Um sonho que consegui realizar...
Um beijo no sítio das pequenas coisas, onde tudo acontece, onde as emoções fervem e a alma sorri.

Anónimo disse...

Tu já és muita coisa boa, prima 😍💋
Marisa

Laura Ferreira disse...

Nostalgia de vez em quando sabe bem para lavar a alma, Isabel :)

beijinho

(eu também nunca trocaria o ser mulher :) )

Laura Ferreira disse...

Alexandra, o teu beijinho foi recebido num dos meus mais bonitos sítios.
pega lá um também direitinho ao coração.
obrigada eu, mais uma vez, pela música e pela partilha quase diária.

Laura Ferreira disse...

Marisa, anda depressa para estarmos juntas.
as saudades apertam.
beijo

Arquivo