04/06/16

quiet saturday

ao longe, Serralves em festa. os preparativos do Primavera.
a festa da regueifa. os jardins floridos e as flores, gaiatas, a darem-se ao mundo numa orgia de cor.
as cidades ao sol. as pessoas na rua. uma inquietude boa, que a chuva teimou em fazer ficar.
aqui, na mesa da minha sala vertida em silêncio de pessoas, a cadência ritmada dos meus afazeres:
a mão da literatura para apertar, a mão dos ensaios de teatro para levar comigo a partir de agora
e depois
a companhia sonolenta das gatas, com olhos de amor, ao meu lado
o pássaro a dormir num pé
as flores cujo nome ainda não descobri
e o bill evans a tocar o piano de sempre.



14 comentários:

Teresa Borges do Canto disse...

Bons momentos a solo, parece que tudo se conjuga para nos dar a tranquilidade que por vezes precisamos. Um Domingo tranquilo, Laura.

POESIAS SENSUAIS E CONTOS disse...

Lindo blog. Um belo fim de semana

Maria Eu disse...

Parece-me muito bem. Mesmo muito!

Beijos, Laura :)

Manel Mau-Tempo disse...

bonitas as tuas palavras, em calma de sábado :)

Graça Pires disse...

A sua solidão é um lugar habitado...
Beijos.

Mar Arável disse...

Serralves aos seus pés
Bj

luisa disse...

Que bonito dia! :)

Laura Ferreira disse...

Teresa, obrigada.
O domingo foi um nadinha mais apressado.
Boa semana

beijinho

Laura Ferreira disse...

Poesias, obrigada.
Boa semana

Laura Ferreira disse...

Maria Eu, posso dizer que estava tudo perfeito :)
beijo

Laura Ferreira disse...

M M-T, obrigada.
o meu sábado foi de absoluta calmaria.
e rendeu bastante :)

Laura Ferreira disse...

Graça, há anos que ando a fazer por isso...
boa semana

beijinho

Laura Ferreira disse...

Mar, :)
boa semana

Laura Ferreira disse...

Luísa, uma dia muito produtivo.
quando tenho assim coisas para fazer rodeio-me de coisas bonitas :)
beijinho

Arquivo