05/05/17

quando a arte me arrebata num fôlego



Murray Fredericks fez pelo menos vinte viagens ao centro do lago Eyre, desde 2003. 
Este lago tem uma grande concentração de sal e o artista arrasta todo o seu equipamento para poder capturar o céu reflectido num enorme espelho rectangular.

vale a pena ver o vídeo, aqui:

https://www.ignant.com/2017/05/03/murray-fredericks-sublime-landscape-reflections/



19 comentários:

AvoGi disse...

Não consigo abrir o vídeo, Laura. Conto depois
Kis :=}

AvoGi disse...

Volto, digo

Filhos do Desespero disse...

Espectacular!

:)

Mãe Maria disse...

não conhecia. Amei.

Isabel Pires disse...

Soberbo!
Obrigada por mostrares, Laura!

Rui disse...

Não é à toa que se conseguem grandes fotos ! ... A imaginação levada ao extremo !!!

luisa disse...

Maravilha. :)

conta corrente disse...

Fantástico :)

Golimix disse...

;)

Bom fim de semana

Andreia Morais disse...

Muito bom!

r: Obrigada e igualmente :)
Beijinhos*

mz disse...

A arte pode nascer da simplicidade de um pedaço de barro como também de toda esta complexidade que acabei de ver.Muito original e espectacular.

Bjs

Graça Pires disse...

Irei ver o vídeo, Laura.
Um beijo.

Janita disse...

Pena não teres deixado a hiperligação.
Irei ver depois, mas a avaliar pelos testemunhos, deve algo realmente arrebatador!

Beijinhos, Laura, Bom Domingo. :)

Janita disse...

* deve ser algo...

Victor Barão disse...

Salvo as devidas distâncias, este trabalho de Murray Fredericks remete-me para a imaginação infantil-juvenil de que dalgum modo me perdi, mas de que na medida do possível também me recuso a abdicar totalmente, inclusive por via da prática fotográfica.

A partir de que estando até esta a minha presença aqui baseada na fotografia, deste respectivo do trabalho criativo-fotográfico de Murray Fredericks digo: simplesmente genial!

Grato pela partilha, fica um abraço e votos dum excelente Domingo

Gaja Maria disse...

Maravilhoso!

Existe Sempre Um Lugar disse...

Bom dia, as imagens captadas, são sempre aquelas que o fotografo imagina e consegue ver atravez da sua maquina, a sua partilha mostra na perfeição como a criatividade consegue marcar a diferença para melhor, não conheço Murray Fredericks, certamente que é um profissional que usa alta tecnologia para obter o que imagina, o trabalho dele está excelente, um dia (não sei quando) também vou fotografar assim ou ainda melhor.
Semana feliz,
AG

L.Reis disse...

Grande, grande ideia! Um conceito original e com um resultado brilhante!

Laura Ferreira disse...

que bom que todos gostaram :)

fico feliz e gosto muito de vos ver por aqui.

um abraço

Arquivo