12/12/17

Enora Lalet , “Cooking Faces”





São retratos efémeros e criações vivas, em palco, que combinam pintura corporal, design culinário, costura.
A comida é o ponto de partida e a escolha; depois segue-se um curioso processo de produção que envolve muitos géneros disciplinares e que culmina na criação de um quase “trabalho antropológico”, destacando as muitas culturas do mundo.

É daquelas coisas que muito gostaria de ver. Porque deve ser um assombro para os sentidos.

5 comentários:

Marta Moura disse...

Deve mesmo valer a pena.

Gil António disse...

Para quem gosta de ler todo o livro acaba por ser pequeno
.
Hoje
Límpidas Gotas de Amor em execução de Carência.
.
Deixando um abraço poético.
Uma terça feira muito feliz. Boa tarde.
.

Gaja Maria disse...

Muita criatividade :)

Os olhares da Gracinha! disse...

Quanta criatividade!!!
bj

AFRODITE disse...

E as guloseimas são para partilhar!?
De qualquer maneira só pela explosão de cor que esta arte performativa nos oferece, já vale a pena!

(^^)

Arquivo