09/01/18

excerto

"Um dia li um livro e toda a minha vida mudou. desde a primeira página, sofri com tanta força o poder do livro que senti o meu corpo apartado da cadeira e da mesa em que me sentava."

Orhan Pamuk, "a vida nova".

25 comentários:

Janela Indiscreta disse...

Os livros são um mundo para o qual fujo quando quero escapar da realidade.

:)

Maria Eu disse...

Sinto alguns livros assim. Ensaio sobre a cegueira, por exemplo. Doeu-me o estômago, chorei, como se estivesse dentro dele.

Beijos, Laura :)

Vai ... disse...

" Um dia, foi por acaso, ao ler um livro, que decidi acabar com uma das esperas de mim ".
Nada nos faz nada, meros pretextos de opções de, E este eu, quando to aceitas ... ?

ana disse...

tenho saudades disso...

Rui disse...

A estória de um jovem estudante com uma vida banal, que lê um livro que lhe provoca uma mudança radical na forma como vê a vida !
Achei curiosa a citação e fui ver do que se tratava !
É ISTO

Janita disse...

Também houve um livro que mudou a minha vida. "A Carta de Pequim".

Ainda o tenho.

Beijinhos, Laura.

Cidália Ferreira disse...

Existem livros assim...

beijinhos

CCF disse...

Aconteceu-me...mas agora é bem mais difícil, quando já se leu muito, os efeitos são cada vez menores.
~CC~

deep disse...

Senti algo assim no fim da adolescência. Hoje, talvez por estar mais céptica e por saber que os escritores são homens e não deuses, não há livro que me "provoque". :)

Boa semana, Laura.

Andreia Morais disse...

Os livros mudam-nos para sempre!

Beijinhos*

luisa disse...

Uns tocam-nos mais que outros. Uns tocam-nos mais em determinados momentos da vida e quando os relemos nem percebemos bem porquê. E há outros que quando relemos voltamos a sentir tudo como da primeira vez. Esses são os melhores. :)

Gaja Maria disse...

É o poder da escrita :)

Laura Ferreira disse...

JI, os livros para mim são indispensáveis ao meu mundo :)

Laura Ferreira disse...

Maria, também já me aconteceu :) é tão bom!

Laura Ferreira disse...

V, também gosto muito dessa frase :)

Laura Ferreira disse...

Ana, como tão bem disse a CC, é cada vez mais difícil, com o tanto que se lê.

Laura Ferreira disse...

Rui, obrigada por teres deixado este link :)

Laura Ferreira disse...

Janita, vou já ver isso.
gosto do nome :)

Laura Ferreira disse...

Cidália, ainda bem que existem, não é?

Laura Ferreira disse...

sem dúvida, CC, acabei de a citar num comentário acima, à Ana :)

Laura Ferreira disse...

Deep, a mim ainda me mexem com a alma, alguns.
acabei de reler o "bairro lata" do steinbeck. é um dos que mexe :)
boa semana

Laura Ferreira disse...

Andreia, é verdade e ainda por cima são uma das melhores companhias!

Laura Ferreira disse...

São, sim, Luísa, e às vezes acontece reler e nem me lembrar da história e ficar verdadeiramente surpreendida :)
é tão bom!

Laura Ferreira disse...

GM, também é por aí. a escrita é uma das armas mais poderosas e bonitas que existem.

Victor Barão disse...

Por experiência própria, reconheço haver um mágico poder na literatura, pelo menos em alguma literatura verdadeiramente capaz de mudar o mundo, desde logo o mundo interior de quem acede a essa literatura.

Muito bom

Abraço

Arquivo